Vai dar certo

Beto Preto propõe isolamento maior no Paraná em relação ao anunciado pelo Ministério da Saúde

Por Mais Ceará em 12/01/2022 às 13:24:05

Nesta terça-feira (11), o Ministério anunciou a redução do tempo mínimo de isolamento para sete dias, caso o paciente não apresente mais sintomas por pelo menos 24 horas. O isolamento pode cair para cinco dias, sem sintomas respiratórios, nem febre e não esteja usando medicamentos por 24 horas, e tenha resultado do exame RT-PCR ou antígeno negativo.

Desde o início da pandemia, a orientação era de que o paciente com sintomas leves a moderados fosse de 14 dias. Ao longo da pandemia, caiu para dez dias e depois sete.

Sobre isso, Beto Preto disse durante entrevista coletiva, na manhã desta quarta-feira (12), que a equipe da Sesa discutiu o tema com os conselhos municipais da saúde do Paraná.

“Propusemos sete dias para pacientes assintomáticos, considerando o inicio no dia do resultado do teste, e dez dias para sintomáticos, mesmo com sintomas mais leves. Com cinco dias, teríamos que testar duas vezes e temos dificuldades na Sesa de testar duas vezes em um período tão curto”, explicou.

Antes, o secretário Beto Preto confirmou o primeiro caso de contaminação pela variante ômicron no Paraná. O laudo com o resultado do sequenciamento genômico realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) foi enviado para a Sesa na manhã desta quarta.

Beto confirmou ainda a retomada as aulas presenciais na rede pública do estado a partir de 1º de fevereiro, sem a cobrança de passaporte da vacina.

Fonte: Banda B

Tags:   Saúde
Comunicar erro
CAMES

Comentários

Pintando o SeteAzul