Vai dar certo

Ministério Público aponta irregularidades na compra de cestas básicas pela Prefeitura de Fortaleza em plena pandemia

A Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Desenvolvimento Social é responsável pela compra das Cestas Básicas

Por Mais Ceará em 04/09/2021 às 07:02:23

O Ministério Público de Contas apontou irregularidades e sobrepreços na compra de cestas básicas pela Prefeitura de Fortaleza no ápice da pandemia em 2020. Segundo parecer ministerial há irregularidades na compra na ordem de R$ 987.529,90 (novecentos e oitenta e sete mil quinhentos e vinte e nove reais e noventa centavos) no processo de aquisição de cestas básicas. Segue parecer do Ministério Público de Contas:




O TCE - CE, por meio do Conselheiro Alexandre Figueiredo, acolhe relatório do MPC e decreta Tomada de Contas Especial. O absurdo fato apontado pelas apurações do Ministério Público, caso sejam confirmados, atestam total desprezo ao interesse público, sobretudo uma insensibilidade de se aproveitar da dor e vulnerabilidade dos fortalezenses carentes nesse momento delicado de pandemia.

Segue abaixo última página da Tomada de Conta aberta pelo TCE - CE, que está todo na íntegra no site do próprio Tribunal:


Fonte: TCE - CE

Comunicar erro
CAMES

Comentários

Pintando o SeteAzul