Vai dar certo

Prefeito de Trairi está na lista dos processados por Improbidade Administrativa

Lista divulgada pelo Jornal Diário do Nordeste

Por Mais Ceará em 25/11/2019 às 12:28:21

google

O Prefeito do Trairi, Marco Prado, que promoveu semana passada festa de emancipação do município de Trairi, com bandas caras pago com o dinheiro público, aparece neste início de semana numa lista publicada pelo Jornal Diário do Nordeste, sobre os Prefeitos que respondem por Processos de Improbidade Administrativa. Segundo mapa abaixo, divulgado no alusivo Jornal, Marco Prado responde a 2 processos de Improbidade Administrativa, no comando da coisa pública.

É bem verdade que grande fatia de gestores no estado adentro tem conduta em tese improba, mas contrariam os preceitos que impedem daqueles que malversaram o dinheiro público de se manterem a frente da Administração Pública. Tais processos devem caminhar a largos passos para evitar que tais gestores possam ser candidatos nas eleições 2020, e isso deve ser velado de perto pelo Ministério Público do Ceará.

Existem três grandes grupos de improbidades administrativas: aquelas que levam o servidor público a enriquecer-se ilicitamente, aquelas que causam um prejuízo aos cofres públicos e aquelas que, embora não gerem enriquecimento ou causem prejuízos aos cofres públicos, atentam contra os princípios da boa administração pública.

Mas o que justificam tantos casos de gestores processados por improbidade administrativa? Para o promotor de Justiça Élder Ximenes Filho, coordenador do Centro de Apoio Operacional da Defesa do Patrimônio Público e da Moralidade Administrativa (CAODPP), três fatores contribuem para esse quadro: a educação ética do brasileiro, de um modo geral; a complexidade da legislação e a má-formação dos gestores em administração pública. Além, claro, de uma cultura de corrupção.


Fonte: Diário do Nordeste

Comunicar erro
CAMES

Comentários

Pintando o SeteAzul