Pintando o SeteAzul

O mesmo Camilo que abandonou Luizianne no primeiro turno, declara apoio a Sarto no segundo turno

Camilo apoia no segundo turno o candidato do mesmo Cid que bradou "O Lula tá preso babaca"

Por Mais Ceará em 17/11/2020 às 05:32:47
Google

Google

O Governador Camilo Santana teve uma posição controversa no primeiro turno das eleições em Fortaleza, literalmente nunca sinalizou para a candidata do seu partido Luizianne Lins, abandonando a trincheira do PT na Capital. Camilo já na primeira etapa das eleições, apoiou Sarto subliminarmente, ao ignorar e omitir seu apoio a Luizianne, candidata do seu partido. Por diversas vezes Camilo postou em suas redes sociais ataques gratuitos ao principal adversário do candidato dos Ferreira Gomes.

Luizianne até tentou usar Camilo como pano de fundo na sua propaganda eleitoral, mas Camilo nunca confirmou o apoio, e o pior, lançou Luizianne a voraz onda de ataques promovida pelo candidato dos Ferreira Gomes, Sarto. O acovardamento de Camilo em não defender a "companheira" Luizianne, é ponto central decisivo a orientação política da militância petista neste segundo turno. Outro ponto importante nesse contexto do PT de Luizianne, certamente será a célebre e agressiva frase proferida por Cid Gomes, que em plena reunião de ajunte para o segundo turno Presidencial para apoiar a Haddad, bradou fronte a militância petista de Luizianne, "o Lula tá preso babaca".


Capitão Wagner, o oponente do candidato de Ciro e Cid, já apoiou Luizianne em 2012, quando fora o Vereador mais votado da história de Fortaleza. Wagner esteve no palanque de Elmano de Freitas, e combateu os Ferreira Gomes ao lado de Luizianne.

Fonte: Redação

CEP

Comentários