Pintando o SeteAzul

Leonardo Araújo e o MDB Fortalezense - Eleições 2020 em Fortaleza

Por Mais Ceará em 26/07/2020 às 19:28:16

O deputado estadual, Leonardo Araújo, é pré-candidato a prefeito de Fortaleza, no pleito eleitoral de 2020, pelo diretório municipal do MDB. Leonardo Araújo compreende a necessidade da construção do palanque emedebista perante a classe média tradicional da capital cearense, assim como também nas classes populares. Há enorme vazio na disputa eleitoral desse ano entre os eleitores de perfil ideológico de centro, em Fortaleza. O MDB pode conquistar essa fatia não irrisória do eleitorado centrista.

O diretório municipal do MDB precisa esquecer o legado político-administrativo do ex-prefeito Juraci Magalhães (1990-2004), pois o mesmo, já não faz mais parte do imaginário popular do fortalezense. A atual administração pública da capital cearense, já absorveu as bandeiras das grandes obras, na área de mobilidade urbana e das reestruturações dos espaços públicos (Praças e Arenas). Interessante como qualquer menção ao legado do juracismo-emedebista cria um elo de ligação automático, com o atual legado administrativo do prefeito Roberto Cláudio (PDT). O MDB secção Fortaleza foi o principal parceiro político-administrativo das últimas três administrações públicas da prefeitura de Fortaleza.

O MDB foi muito importante na reeleição da prefeita Luizianne Lins (PT), como o maior partido, com tempo de televisão e rádio, na coligação governista. A chapa de candidatos a Câmara Municipal de Fortaleza foi provavelmente a grande responsável pelos votos necessários para a vitória, no primeiro turno do pleito eleitoral de 2008. Na campanha eleitoral de 2012, a direção municipal do MDB fez a indicação do companheiro de chapa majoritária do prefeito eleito, com a indicação do vice-prefeito eleito, o empresário Gaudêncio Lucena, e logo em seguida fez a indicação do presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, no biênio de 2013 e 2014, com o vereador Walter Cavalcante.

O senador e presidente do diretório estadual do MDB, Eunício Oliveira, saiu da base governista do governador Cid Gomes e do prefeito fortalezense, Roberto Cláudio, no pleito eleitoral de 2014, quando o mesmo foi candidato ao cargo de governador do Estado do Ceará. O MDB fortalezense entregou os cargos do primeiro e segundo escalões na gestão municipal, porém essa agremiação partidária não abriu uma oposição radical, muito pelo contrário, os recursos federais das emendas parlamentares da bancada emedebista no Congresso nunca deixaram de chegar aos cofres da prefeitura de Fortaleza, no ano de 2014 e no ano de 2015. A chegada do MDB a frente do Governo Federal no ano de 2016, não mudou o repasse em termo de recursos federais ao maior município do Ceará, pois foi mantido o fluxo de caixa ao prefeito Roberto Cláudio, em função da participação do senador Eunício Oliveira (MDB) nesse pacto de governabilidade republicano, nos anos de 2016, 2017 e 2018. Esse mesmo pacto ainda trouxe recurso federal aos projetos sociais da Prefeitura de Fortaleza, no decorre do ano de 2019.

O MDB saiu da frente do executivo da Prefeitura de Fortaleza, porém se tornou o principal aliado em qualquer frente partidária , sendo o principal partido com o tempo de televisão e rádio, como também a principal agremiação de liberação de recursos financeiros, em Brasília. O segundo mandato da prefeita Luizianne Lins (2009-2012) e o primeiro mandato do atual prefeito, Roberto Cláudio (2013-2016), sempre tiveram o apoio da bancada de vereadores emedebista, sempre contaram com o apoio dos deputados estaduais e deputados federais. Ressaltando que a coordenação desses parlamentares foi feita pelo senador Eunício Oliveira.

No segundo mandato do prefeito Roberto Cláudio, nos seus três primeiros anos (2017-2018 e 2019), a sua gestão foi beneficiada na área econômica pela colaboração republicana emedebista através do senador Eunício Oliveira ou pacto social emedebista, em nome da governabilidade fortalezense.

O deputado estadual e pré-candidato a prefeito de Fortaleza pelo MDB, Leonardo Araújo, tem a árdua missão política pedagógica de explicar a opinião pública fortalezense, o papel do MDB fortalezense, como o principal aliado das três últimas administrações municipais, na área de liberação de recursos financeiros, para os principais projetos estruturais e os principais projetos sociais do maior município do Ceará. Leonardo Araújo precisou compreender o momento de criação da marca política emedebista fortalezense, como o principal partido na liberação de recursos financeiros de ordem do Governo Federal, para a população da cidade de Fortaleza.

Luiz Cláudio Ferreira Barbosa, sociólogo e consultor político


CEP